« Página inicial

Entretenimento

\"Crise? Que crise?!\" Cantores dizem que situação do país não afetou cachês

clique para ampliar

Com o país oficialmente em recessão, o dólar batendo os R$ 3,70 e o desemprego passando de 8%, a crise que já afeta diversos setores da economia brasileira parece não ter chegado ao meio musical. Ao menos não para estrelas como Paula Fernandes, Valesca Popozuda e MC Guimê, segundo os quais o rtimo de shows continua o mesmo e os cachês, com nenhum centavo a menos. "Para mim não diminuiu nada. Graças a Deus, eu continuo trabalhando muito, [faço shows] quase todos os dias, às vezes dois por noite. O meu cachê não diminuiu e ninguém me pede para baixar o valor", garante Valesca, a funkeira e ex-Gaiola das Popozudas que recentemente também caiu nas graças das elites.

Aproveitando a passagem dos artistas do Prêmio Multishow pelo tapete vermelho - que na verdade estava coberto de lama, graças à chuva desta terça (1) à noite, no Rio -, o UOL perguntou a alguns deles se a crise já chegou ao bolso deles e o que fazer para contorná-la. Se muitos ainda não sentiram o golpe - ou preferem não admitir -, artistas como Latino foram diretos:  "Está muito mal das pernas. A crise está 'braba'… Se eu diminuí o número de shows? Sim, eu e todo mundo. Quem fala que não está mentindo."

« Voltar

Mais Entretenimento

Parceiros

RádiosNet radio 2 Radio 1 Fundessi 1
© Copyright - Todos os direitos reservados a Viva Stream - Soluções em Rádio Online